Notícias

Nesse canal, você encontra notícias sobre a empresa.

Eco050 amplia serviço de autoatendimento em cabine para motos e caminhões

Publicado em 23 de nov de 2023 às 09:00

No intuito de oferecer mais facilidades a um maior número de usuários, a concessionária Eco050 ampliou a capacidade da sua cabine de autoatendimento na praça de Uberaba-MG, no quilômetro 104 da BR-050. O serviço, que antes era exclusivo para motoristas de veículos de passeio, agora também pode ser utilizado por motociclistas e caminhoneiros para o pagamento da tarifa com cartões de crédito e débito de todas as bandeiras.

A cabine está instalada no sentido sul (Uberlândia-Uberaba) da praça e passou por adaptações antes de ter a capacidade expandida. Para poder atender veículos comerciais de carga, foi necessário instalar suporte e displays mais altos, na altura das janelas dos caminhões. Também foi preciso adequar o sistema para a contagem automática dos eixos do veículo no momento da chegada à cabine.

“O autoatendimento foi pensado para ser o mais prático e ágil para os usuários, que não precisam se preocupar em fazer cálculos ou digitar valores. Independentemente de qual veículo estiver sendo utilizado, o sistema faz o reconhecimento entre moto, carro e caminhão de forma imediata, bastando ao motorista inserir ou aproximar seu cartão e, se necessário, digitar a senha para pagar”, diz o Gerente de Atendimento ao Usuário da Eco050, Bruno Araújo Silva.

A cabine de autoatendimento está indicada por placas e mensagens na praça. Para utilizar o serviço, basta ao usuário se dirigir até o dispositivo e aguardar a mensagem inicial aparecer no display. Após selecionar entre débito e crédito, o motorista faz o pagamento, retira o recibo e pode seguir viagem.

MAIS FORMAS DE PAGAMENTO

O motorista que trafegar pelos 436,6 km de concessão da BR-050, que interligam Delta-MG a Cristalina-MG, pode escolher entre três modalidades quando for pagar a tarifa nas praças de pedágio da Eco050.

Nas cabines manuais, com atendimento feito por arrecadadores, é possível utilizar dinheiro ou cartões de crédito ou débito, de todas as bandeiras. Já nas pistas automáticas, a tarifa é debitada com o uso de tags, o que elimina a necessidade de parada para efetuar a transação.